Eu e você – XVIII – Meditação

A gente começa a amar
por simples curiosidade,
por ter lido num olhar
certa possibilidade.

E como, no fundo, a gente
se quer muito bem,
ama quem a ama, somente
pelo gosto igual que tem.

Depois, a gente começa
a repartir dor por dor.
E se habitua depressa
a trocar frases de amor.

E, sem pensar, vai falando
de novo as que já falou…
E então, continua amando
só porque já começou.

Paul Géraldy
(tradução de Guilherme de Almeida)

Nota de Esclarecimento: Queridos leitores, gostaria de pedir desculpas pelo imenso atraso na publicação dos poemas, já que estou há quase 15 dias em falta com as publicações diárias.
Entre 24 de julho e 6 de agosto serão publicados poemas que gosto muito, mas que não tem como atender totalmente à proposta do blog, que é publicar textos que de alguma forma tenham a ver com o meu dia-a-dia, devido ao atraso.
Novamente peço desculpas, farei o possível para que isso não ocorra outra vez.
Published in: on 31/07/2009 at 0:00  Comments (5)  

The URI to TrackBack this entry is: https://poemadodia.wordpress.com/2009/07/31/eu-e-voce-xviii-meditacao/trackback/

RSS feed for comments on this post.

5 ComentáriosDeixe um comentário

  1. ESTA POESIA ,COMO TODAS DE PAUL GÉRALD…ESTIVERAM PRESENTES EM MINHA VIDA POR QUASE TRINTA ANOS…AINDA AGORA ACALANTAM O MEU SONO..DOCE PRONUNCIAR DESSE CONJUNTO DE PALAVRAS…QUE DESCREVEM EM TODAS AS SUAS LINHAS A MINHA HISTORIA DE AMOR…DISTANCIA .. E BUSCA PELO QUE NAO FOI POSSIVEL VIVER….É O´POÉTA DA ETERNIDADE …ASSIM COMO A NOBREZA DAS PALAVRAS PARA DESCREVER…O IMPROVISO…QUE É VIVER…EU REVIVO O SONHO DE AMAR NESTA PÁGINA…PARABENS!

  2. (…)Mas como causar pode seu favor nos corações humanos amizade, se tão contrário a si é o mesmo Amor?

    Luís de Camões

  3. Conheci Paul Géraldy na minha adolescencia. Infelizmente tive um breve contato de um dia apenas com um livro seu, mas foi o suficiente para eu gostar de suas poesias. Tive a sorte de escrever algumas em uma agenda velha [1997], mas o azar de nunca mais encontrar um livro sequer deste grande escritor. Hoje, descubro que por 11 anos de minha vida procurei pelo nome errado! Nao colocava o Y no final dificultando minhas buscas até no Google… =/
    Graças a Deus existe este Blog onde pude encontrar com sua poesia! Obrigado! =P

  4. Raffa, vc acha esse livro em vários sebos, tente na estantevirtual.com.br, o nome é ‘Eu e você’. Vale a pena lê-lo inteiro novamente, já que aqui eu só coloquei um poema.

    Fico feliz por ter ajudado!

  5. Tenho esse livro emj minha memória Por30 anos…Sério e ate sei de cor algumas poesias..Que beleza encontrar uma delas aqui..Mas quero ler as outras


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s