Amigo

Você já me viu nua
De você não escondo
Pra você eu conto
Com você eu contei
Você me dá flagrantes
Sabe aonde ando
Quando caio e fico
Já me viu pedindo
Pra você eu imploro
VOCÊ SABE onde dói
Conhece essa fome
Ampara meus desastres
Você eu persigo
Imperfeitamente amo
Preciso
Você me vê nua

Lígia de Oliveira Leite

Déjà vu:
25 de abril de 2009
Anúncios
Published in: on 24/05/2009 at 23:59  Comments (1)  

The URI to TrackBack this entry is: https://poemadodia.wordpress.com/2009/05/24/amigo/trackback/

RSS feed for comments on this post.

One CommentDeixe um comentário

  1. Como diria o garçom: Uáu!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s