Penetra-me

Penetra-me o corpo,
Rasga a alma,
Deflora o meu desejo,
E viola meu pensamento…
Vem, garganta travando o grito…
Tropeços e afagos
Do amor…
Penetra-me a vida,
Invade meu jardim,
Incendeia a minha cama,
Rasga os lençóis…
Vem, bota em mim o seu amor,
Segura forte,
Faz-me uivar de dor…
Penetra-me com teu calor,
Até o fundo,
Leva-me pra longe do mundo,
Faz chover lá fora,
Faz nascer amor aqui dentro,
Agora!

Letícia Marques

Published in: on 07/05/2009 at 15:58  Deixe um comentário  
Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 35 outros seguidores